Discussão Final - Dora

Ir em baixo

Discussão Final - Dora

Mensagem  Flávio Silva Machado em Ter Jul 03, 2012 10:09 am

Dora era vista como uma guardiã do grupo de menores abandonados nas ruas de Salvador. Jorge Amado, discorre em páginas ricas de dramaticidade literária o momento em que a personagem Dora e Pedro Bala dormem juntos e Dora se sente mulher. Daí, Dora não alcança mais a beleza do por-do-sol. Ela é acometida por uma forte infecção, causa de sua morte.

[Somente administradores podem ver este link]
De que forma esse grupo de menores abandonados irão viver sem sua guardiã? Comente de que maneira os problemas sociais colocados nessa obra publicada na década de 1930 eram abordados na sociedade e como os mesmos são trabalhados na sociedade atual, na qual o adolescente (menor abandonado) tem como amparo legal o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).
avatar
Flávio Silva Machado
Admin

Mensagens : 19
Data de inscrição : 30/05/2012
Idade : 29

Ver perfil do usuário http://capitaesdaareia.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

RE: Discussão Final - Dora

Mensagem  Iago Cunha Araújo em Ter Jul 03, 2012 12:36 pm

Dora era como uma mãe e irmã para quase todos, menos para Professor que gostava dela e para Pedro Bala, que os a viam como mãe, irmã e noiva. Com a morte de Dora todos ficaram chocados, abalados, não acreditaram que aquilo era verdade. Pedro Bala via ela como uma estrela no céu, e todos os dias ficava observando o céu, procurando Dora. Depois da morte dela, quase todos foram seguir suas vidas solo, tendo em destaque o Professor que foi para o Rio de Janeiro, e logo depois de algum tempo ele ja era conhecido pelos seus belos quadros; Pedro Bala seguiu o mesmo caminho de seu pai, ajudando os povos a fazerem greve; Gato foi embora com Dalva, e depois ela o larga e ele arruma outra mulher...

Antes os meninos que moravam na rua, a prostituição era algo mais normal, mas não quero dizer que não havia o preconceito contra estas crianças, um bom exemplo disto é a maneira dos policiais tratarem os Capitães da Areia, mesmo sem saberem o motivo que estavam roubando e que eram moradores de rua, o classificavam como ladrões, pessoas que não se podia confiar, etc...
Hoje a situação, em termos de preconceito piorou, pois as pessoas hojes parecem serem mais preconceituosas, racistas, e quanto ao estatuto da criança e do adolescente, serve como amparo para estes jovens, mas se formos considerar a quantidade de crianças que ainda vivem nas ruas das grandes cidades, nós não iríamos classificar estes estatutos como amparo, e sim como algo que ainda deixa a desejar.
avatar
Iago Cunha Araújo

Mensagens : 14
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 20

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Marcos Ferreira em Ter Jul 03, 2012 1:04 pm

Dora era como uma Mae para todos mesmo porque cuidava de Todos os Feridos Dava conselhos e Professor gostava dela, Mas ela na verdade gostava mesmo era de Pedro Bala mas Quando ela Morreu Todos fica assustados porque pensaram oq seriam deles sem a Mulher que os dava carinho cuidados e me era considerada como mae,E para eles Dora se Tornou uma estrelha que Brilhava no Céu dando proteção a Eles.O professor envestiu em seus quadros indo para o Rio de Janeiro exibilos para ver se tinha Algum Reconheçeimento,Pedro Bala segui o Caminho de seu Pai,Gato parte com Dalva e mais para Frente ela que não é muito queta o Larga e ele que não e bobo arruma outra Mulher Para fica no Lugar de Dalva como companheiro do Gato.

o Filme mostra a Prostituição, e Tambem roubos mas Tambem nos ensinam que exemplo eles roubavam não por diversão e sim porque preçisavam de Dinheiro para o Sustento deles, Tambem mostra o Preçonceito com os Capitaes de Areia e tambem porque são Crianças Pobre sem Familia e com Roupas Velhas e muitas vezes mau tem oque Comer.Hoje em dia com o Estatuto de Criança e do Adolescente o (ECA) já é melhor porque ajuda muitas crianças que estam sem Pais e Familia a Seguir um melhor caminho na edução e tambem dão eles abrigo comida etc.. Isso tambem com o Adoslescente que recebe os mesmo cuidados e incentivos da Crianças,Mas o Proconceitos com as pessoas pobres e muitas vezes que tem que, roubar para seu sustento existe até hoje e em vez de evoluirmos e ter menos preconceitos pareçe que o preconceito tem e Aumentado mais ainda, Isso ja podia ter mudado a muito Tempo. Por isso o Estatuto e um incentivo Para Crianças, e Adolecentes.

Marcos Ferreira

Mensagens : 12
Data de inscrição : 11/06/2012
Idade : 22
Localização : Rua Padre Miguel Vital Numero 84

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Sabrina Sousa em Ter Jul 03, 2012 4:17 pm

Dora tinha o papel de mãe e irmã para todos, Pedro Bala a enxergava de outra maneira, como sua noiva. Quando Dora morreu todos ficaram abalados e chocados com o ocorrido. Todos a viam como uma estrela no céu, os guiando, e todos os dias ficava observando o céu. Apos sua morte, quase todos foram seguir suas vidas, o Professor foi para o Rio de Janeiro seguir sua tao sonhada carreira de pintor, e logo ficou famoso pelo seus belíssimos quadros, Pedro Bala seguiu o caminho de seu pai, virou um grevista e vivia defendendo os direitos de seu povo, Gato foi embora com Dalva, que depois de um certo tempo volta com uma negrinha e cheio de estilo.

Como os meninos moravam na rua achavam que o roubo era algo normal, e que não tinham culpa alguma se não tinham pai para alimentá-los, porém os policiais tratavam os Capitães da Areia muito mal, mesmo sem saberem o motivo que estavam roubando e que eram moradores de rua, o classificavam como ladrões e diziam que nunca eram confiáveis.
Nos dias de hoje a situação em termos de preconceito piorou as pessoas ainda tem bastante preconceito em relação à moradores de rua, homossexuais, negros. O estatuto da criança e do adolescente foi algo bom demais, agora nao aceitam crianças ficarem desamparadas assim como os Capitães da Areia ficavam, protegem dão alimento, porem ainda existem muitas crianças e adolescentes desamparados e com fome, por isso ainda deixam a desejar .
avatar
Sabrina Sousa

Mensagens : 16
Data de inscrição : 11/06/2012
Idade : 20

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Kennedy Oliveira em Ter Jul 03, 2012 4:45 pm

Dora era como se fosse mua irmã e mãe para todos, mas Pedro Bala a via de uma forma diferente, a via como sendo sua noiva,
o professor também gostava dela, mas não tinha coragem de assumir porque sabia que seu coração já era de Pedro.
Quando Dora morreu, todos ficaram chocados, e um vazio tomou conta, pois agora quem iria cuidar deles a não ser aquela
mulher gentil e carinhosa como Dora? Agora para os capitães da Areia Dora se torno uma estrela, que no céu dava proteção
a eles. Professor seguiu seu grande sonho de ser pintor, e foi para o Rio de Janeiro mostras suas obras. Pedro seguiu os passos
de seu pai, o Gato foi embora com Dalva, mas como ela tinha um histórico de puta, ela logo largou ele, e Gato não se abalou e
arrumou logo mua outra mulher mais descente e confiável para ficarem juntos.

Esse filme nos mostra como é a veradeira vida de quem vive nas ruas, nos mostra que em quase todos os casos quem vai para a rua
acaba se envolvendo em prostituição, crimes, ainda mais se forem crianças e adolescentes, que não tem ainda um perfil psicológico traçado.
Muitas das vezes o fato de não terem pais nem mães, contribuí bastante para que a pessoa se torne criminosa, e os capitães da Areia nos mostra
que a maioria deles não tem uma família, então podemos deduzir que eles foram para as ruas por falta principalmente de um carinho da família,
o amor da família.


Kennedy Oliveira

Mensagens : 13
Data de inscrição : 11/06/2012
Idade : 20
Localização : Rua Princesa Isabel numero 274

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

RE: Discussão Final - Dora

Mensagem  Vander Lucio em Ter Jul 03, 2012 5:12 pm


1)
Dora era supostamente uma mãe e irmã para a maioria, menos para Professor e para Pedro Bala que gostavam dela, que eles a viam como irmã,mae e noiva. Com o falecimento de Dora todos ficaram arrasados, não acreditavam que aquilo era realidade. Pedro Bala via ela como uma estrela, e todos dia ficava observando o céu, procurando a estrela Dora. Depois da morte dela, a maioria foram seguir suas vidas, o Professor que foi para o Rio de Janeiro,ao pasar do tempo ja era conhecido pelos seus lindos quadros; Pedro Bala continuou o serviço do pai, ajudando a fazerem greve; Gato foi embora com Dalva, e depois eles se separam e ele arranja outra.

2)
Esse livro fala como é a vida de quem vive nas ruas,que em quase todos os casos quem vai para a rua
acaba se envolvendoem um mal caminho como o crime.Muitas das vezes por nao terem pais , contribuí muito para entra na vida dos crimes,e os capitães da Areia mostra
que a maioria deles não tem uma família,e so sao assim por causa que nao tem carinho proprio.

Vander Lucio

Mensagens : 13
Data de inscrição : 11/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Geraldo Cirilo em Ter Jul 03, 2012 5:52 pm

Dora era como uma mãe e irmã para quase todos, menos para Professor que gostava dela e para Pedro Bala, que os a viam como mãe, irmã e noiva. Mas ela na verdade gostava mesmo era de Pedro Bala mas Quando ela Morreu Todos fica assustados porque pensaram o que seriam deles sem a Mulher que os dava carinho cuidados e me era considerada como mãe. Pedro Bala via ela como uma estrela, e todos dia ficava observando o céu, procurando a estrela Dora , o Professor que foi para o Rio de Janeiro,ao pasar do tempo ja era conhecido pelos seus lindos quadros; Pedro Bala continuou o serviço do pai, ajudando a fazerem greve; Gato foi embora com Dalva, e depois eles se separam e ele arranja outra.

Como os meninos moravam na rua achavam que o roubo era algo normal, e que não tinham culpa alguma se não tinham pai para alimentá-los, porém os policiais tratavam os Capitães da Areia muito mal, mesmo sem saberem o motivo que estavam roubando e que eram moradores de rua, o classificavam como ladrões e diziam que nunca eram confiáveis.
Nos dias de hoje a situação em termos de preconceito piorou as pessoas ainda tem bastante preconceito em relação à moradores de rua, homossexuais, negros. O estatuto da criança e do adolescente foi algo bom demais, agora nao aceitam crianças ficarem desamparadas assim como os Capitães da Areia ficavam, protegem dão alimento, porem ainda existem muitas crianças e adolescentes desamparados e com fome, por isso ainda deixam a desejar .
avatar
Geraldo Cirilo

Mensagens : 14
Data de inscrição : 11/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Resposta

Mensagem  Lucas Carvalho Cardoso em Ter Jul 03, 2012 5:55 pm

Após a morte de Dora o trapiche parecia vazio, sua passagem foi rápida porem marcante na vida de todos. Sua morte também foi decisiva para a vida de todos: Professor procurou o homem da piteira que o fez ir ao Rio de Janeiro e lá se tornou um grande pintor; o padre José Pedro conseguiu sua paróquia, no meio do sertão e entre os cangaceiros. Pirulito virou frade, Boa-Vida quase não aparece no trapiche e leva vida de malandro nas ruas da Bahia, Gato foi para Ilhéus junto de Dalva ganhar a vida. Volta-Seca entrou para o grupo de Lampião e fez seu nome entre eles. Sem Pernas morreu numa perseguição da polícia e Pedro Bala seguiu os passos de seu pai.
As crianças abandonadas retratadas no livro eram tratadas como adultos ladrões. O livro mostra que apesar deles roubarem, faziam isso apenas para sobreviver, pois não tinham um lar nem uma família que pudessem contar.
Hoje em dia, há leis que diferenciam as crianças dos adultos. Assim, as crianças marginalizadas já não são condenadas como os adultos e são tratadas em clínicas especiais, onde podem se recuperar, mas como toda lei há brechas e falhas e muita coisa ainda pode ser feita. Infelizmente há adultos que aproveitam do Estatuto e usam crianças inocentes (muitas vezes nem sabe o que esta fazendo) para ajudar no crime. Também há lares especializados, onde crianças abandonadas são criadas e educadas sem a necessidade de roubar.

Lucas Carvalho Cardoso

Mensagens : 14
Data de inscrição : 06/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Milene Gabrielle em Ter Jul 03, 2012 6:42 pm

Dora teve papel fundamental nessa obra rica de Jorge Amado. Por ser a única garota dos Capitães da Areia, essa personagem chamou muita atenção, pelo seu jeito feminino de agir. Todos temos uma certa ideologia que o homem faz o trabalho pesado e trás sustento a casa, enquanto à mulher, ficava encarregada dos afazeres da casa. Dora não só fazia os afazeres da casa, Dora amava estar ali junto com os Capitães da Areia, por isso, ela provou ser uma garota valente, que ia á luta na cidade com os garotos, ajudar nos roubos, nas brigas, como é o exemplo de quando os Capitães da Areia, brigaram com a gangue de Ezequiel, Dora mostrou ter uma valentia incrível, uma força na qual ninguém imaginara, e isso só aumentou a admiração de todos para com ela. Sua morte emocionou concerteza à todos que acompanharam esse livro maravilhoso. Dora marcou a vida dos capitães da Areia, Dora mudou os sentimentos de cada um, e também mudou, o futuro que teríam. O que mais foi importante em Dora, foi que os Capitães da Areia, queriam carinho, queriam uma mãe para cuidar, uma irmã para conversar e brincar, Dora fez todos esse papéis, portanto, haviam um manancial de sentimentos para com ela, porque ela era tudo que queriam.
Professor resolveu abandonar o trapiche, procurou o homem da piteira, e foi ao Rio de Janeiro, e virou um pintor.
Boa-Vida virou frade.
Boa-Vida continuou malandrando nas ruas, fazendo seus sambas, amando à Bahia.
Gato foi a Ilheus com Dalva, e com ela ficou por alguns tempos, depois encontrou uma "morena" de Aracaju, e com ela ficara até então, sempre com sua elegancia"
Volta-Seca virou um importante cangaceiro no grupo do lampião.
Sem-Pernas ao ficar encurralado em um beco depois de um roubo, decidiu se jogar de um lugar, e acabou morrendo porque não queria ser pêgo e preso dinovo, pois seus piores pesadelos, era aqueles de quando estara preso.
Pedro Bala virara grevista e seguira os passos de seu pai, um grevista para a defesa dos pobres.

Essa história retreta, um fato muito comum no mundo cotidiano de nosso país. Mas há duas diferenças, uma "boa" e uma "ruim". A história dos Capitães da Areia, se refere ao ano de 1930, ou seja, os tempos mudaram muito até lá. A boa mudança que ocorreu de 1930 até os dias atuais, é que hoje, está mais fácil para haver recuperação, quando relacionado à garotos abandonados, hoje existem órgãos que trabalham exatamente com esse propósito, há também mais oportunidades de garotos pobres e abandonados à frequentarem a escola, hoje existem escolas públicas; municipais e estaduais que ajudam pessoas com esse problema, não só orgãos mas também existem também muitas pessoas que fazem atos de bondade para ajudar de alguma forma afinal, o melhor caminho para se recuperar na vida é a educação. A mudança ruim que houve, é que, de 1930 para os dias atuais também aumentaram os crimes, as revoltas, conflitos, e principalmente, o tráfego de drogas que é o pior dos fatores. Os Capitães da Areia, eram ladrões, mas eram um tanto "inocentes" se olharmos para os dias atuais, os crimes de hoje são cada um mais bárbaro que o outro. Enquanto em 1930 os Capitães da Areia se sentiam sozinhos e condenados pela sociedade, optavam pelo caminho dos furtos, e hoje, os jovens que se sentem assim, parte para o caminho do envolvimento com as drogas, e isso é algo que merece muita atenção, porque as drogas além de ser algo proibido, é algo que dá prazer à quem usa, ao mesmo tempo, à corroi por dentro, e transforma, fazendo-a com que se sinta outra pessoa, fora de si. E é atravez das drogas, que surge influencias para o verdadeiro caminho do crime.

Milene Gabrielle

Mensagens : 16
Data de inscrição : 06/06/2012
Idade : 20
Localização : Abaeté

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Laura Assis em Ter Jul 03, 2012 6:51 pm

Apesar da rapida passagem de Dora na vida dos Capitães da Areia,quando ela morreu o trapiche ficou vazio sem sentido pois Dora era como uma mãe para os integrantes do grupo,exceto para o Professor e Pedro Bala que á via de outra forma, como uma noiva,mas Dora gostava mesmo era de Pedro Bala.Apesar de sua morte ter sido algo triste para todos os Capitães da Areia foi algo que ajudou a decidir o futuro dos meninos,como por exemplo;Professor mudou-se para o Rio de Janeiro e se tornou um grande pintor, padre José Pedro conseguiu ter sua paróquia, Pirulito virou frade, Boa-Vida quase não aparece no trapiche e tem uma vida de malandro nas ruas da Bahia, Gato foi para Ilhéus com Dalva para ganhar a vida. Volta-Seca entrou no grupo de Lampião, Sem Pernas morreu em uma perseguição com a polícia e Pedro Bala seguiu os passos de seu pai como grevista.
As crinças e adolecentes do livro eram tratadas adultas e como grandes ladrões, so que eles faziam isso para a propia sobrevivencia mas as pessoas do livro não viam isso.
Hoje em dia com o Estatuto da crinça e do adolecente a leis que protegem as crianças e os adolecentes, quando há crianças abandonadas sem pai e nem mae e sem ter o que comer e beber são levadas a abrigos especiais onde tem pessoas que vao cuidar educar e dar o que comer e lá ficam as crianças a espera de uma pessoa que queira adota-los mas como nem toda lei é cumprida ainda há muitas crinças na rua sem ter onde morar e ter o que comer que acabam indo para o mundo do crime ou seus pais os farçam a roubar e pedir dinheiro as pessoas aproveitando de sua inocencia e pouca idade.

Laura Assis

Mensagens : 13
Data de inscrição : 11/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Discussão Final - Dora

Mensagem  Letícia Mendes Fagundes em Ter Jul 03, 2012 7:23 pm

Dora teve um papel fundamental na obra, por ser a única garota dos Capitães da Areia, era vista como uma mãe e irmã para todos, menos para Professor e Pedro Bala que a viam como mãe, irmã e noiva. Com a morte de Dora todos ficaram abalados com a situação. Pedro Bala via ela como uma estrela no céu, todos os dias ficava horas observando o céu procurando ela após sua morte. Após a morte de Dora quase todos foram seguir vida solo, em destaque o Professor que foi para o Rio de Janeiro e após um tempo era conhecido por seus belos quadros. Pedro Bala seguiu o mesmo caminho que seu pai, ajudava os povos a fazerem greve. Gato foi embora com Dalva, mas depois de um tempo ela termina com ele e Gato arruma outra mulher.
A historia relata um fato comum no mundo. Mas há diferenças no mundo de hoje, como a época de que a historia Capitães da Areia se refere ao ano de 1930. Hoje existem órgãos que trabalham exatamente com esse assunto, mais oportunidades de garotos pobres e abandonados freqüentarem uma escola pública, existem também pessoas com atos bondosos para ajudar essas crianças.
avatar
Letícia Mendes Fagundes

Mensagens : 14
Data de inscrição : 11/06/2012
Idade : 20
Localização : Rua Inácio de Oliveira Campos, 589

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Bárbara Machado em Ter Jul 03, 2012 8:06 pm

1)A ausência de Dora devido a sua morte muda drasticamente rumo da história e a vida dos Capitães da Areia. Sem a sua "guardiã" como era conhecida, podemos dizer que eles se tornaram homens de verdade procurando sair da vida de miséria mais sem esquecer-se de todos os problemas da população carente. O interessante é que esta personagem representou todos os papéis necessários na vida das crianças; se os Capitães queriam uma mãezinha lá estava Dora, e o mesmo se dá para quando queriam uma irmã, para quando queriam afeto e carinho e para Bala, até como uma esposa; e por isso sua falta fora tão sentida e dolorida. Contudo, com a sua partida Professor virara um renomado artista, Boa-Vida vira um sambista malandro, Gato tenta a vida trapaceando, Sem-Pernas se mata, Pirulito se torna frade, Volta Seca se torna um cangaceiro do grupo de Lampião, João Grande torna-se marinheiro e Pedro Bala fascinado com as histórias contadas sobre seu pai sindicalista, torna-se um grevista que luta pelos direitos dos doqueiros assim como seu pai. Dora marcou profundamente a vida de cada um dos Capitães, Dora nunca morrera realmente para eles, Dora mudou o futuro de cada um dos meninos-homens.
2)As críticas sociais apresentadas no livro datado de 1930 ainda são muito atuais. A discriminação e o preconceito sofrido pelos menores por uma sociedade puritana e julgadora, o sistema reformatório que piora ainda mais a situação e a ausência de preocupação emanada por políticos são os principais tópicos tratados no livro. Entretanto será que a sociedade e a posição dos políticos mudaram desde aquela época? Em parte, pois atualmente os adolescentes e crianças tem o amparo legal do Estatuto da Criança e do Adolescente, educação pública e o incentivo a “crescer na vida”, porém, infelizmente, há preconceito por grande parte da sociedade, há falta de uma posição mais firme dos políticos, há ausência de leis mais rígidas e efetivas, existem ainda várias deficiências na educação do país e uma grande desigualdade social. Enfim, a contemporânea obra de Jorge Amado nos mostra que a sociedade teve várias vitórias na busca por direitos dos adolescentes e crianças, mas ainda temos uma grande batalha pela frente.

Bárbara Machado

Mensagens : 14
Data de inscrição : 09/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Discussão Final - Dora

Mensagem  Pedro Ramiro em Ter Jul 03, 2012 8:09 pm

Dora por ser a única mulher do grupo era considerada por todos como mãe ou como irmã, menos Pedro Bala que a considerava como noiva e Professor que gostava dela. Ela dava a eles carinho e amor que nunca tiveram por não ter pais.
Após a morte de Dora todos ficaram abalados e não acreditavam que aquilo era verdade, não poderia estar acontecendo. Então repensaram suas vidas nas ruas se aquilo era tão bom mesmo. Pedro Bala decidiu seguir os passos de seu pai e virou um grevista lutando pelos direitos dos pobres, Volta-Seca virou um cangaceiro no grupo de lampião, Professor foi para o Rio de Janeiro e virou pintor.
No livro é retratado meninos vivendo na rua, tratados com desprezo pela sociedade, em meio á prostituição, furtos, bebida, cigarro. Hoje a situação não pode ser considerada melhor, levando consideração á quantidade de crianças que vive nas ruas das grandes cidades. Mas também existem órgãos do governo e até ONG's, mas ainda não ajudam toda a população de crianças que vivem nas ruas, deixando essas crianças á mercê de todos esses maus.

Pedro Ramiro

Mensagens : 14
Data de inscrição : 11/06/2012
Idade : 19
Localização : Abaeté, MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Letícia Terra em Ter Jul 03, 2012 8:23 pm

1) Sem a Dora a vida dos meninos carentes mudou muito. Ao se transformar simbolicamente em uma estrela o livro mostra a marca que deixara na vida dos garotos e por isso ela ifluenciou em todas as decisões que eles tomaram postumamente. Professor foi para o Rio de Janeiro virar pintor, Boa-Vida vira um sambista, Gato se muda para Ilhéus tentando ganhar dinheiro a custa de ricos fazendeiros, Pirulito se torna frade, Volta Seca se torna um cangaceiro do grupo de Lampião, João Grande torna-se marinheiro e Pedro Bala seque os passos do pai e se torna grevista defendendo os direitos dos doqueiros e da população pobre.
2)Os problemas sociais apresentados no livro podem ser considerados ainda como atuais, já que apesar da criação de leis e até do amparo fornecido pelo ECA os menores abandonados ainda sofrem preconceito da parte da sociedade e descaso da parte política e policial do país. E o mais agravante é que o número de crianças que vivem nas ruas vem aumentando a cada dia e o pior a que eles tem acesso nas ruas como, por exemplo, drogas, prostituição e tráfico. Felizmente houve várias melhorias sobre esse assunto, porém o caminho ainda é longo e árduo.

Letícia Terra

Mensagens : 15
Data de inscrição : 11/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Henrique Assis em Ter Jul 03, 2012 8:37 pm

Dora tem um papel fundamental no grupo, onde era considerada uma irmã para todos exceto para Pedro que a considerava uma mãe. Depois de sua morte a história toma um caminho muito diferente para cada personagem, onde Professor vai para o RJ e fica muito famoso com suas obras, Pedro Bala, segue o mesmo caminho que seu pai, e vira grevista, Sem Pernas se mata, Gato leva a vida usando suas cartas, trapaceando, Pirulito torna-se Frade (Designação dada a um católico consagrado que pertence a uma ordem religiosa mendicante e que vive normalmente num convento. Ele tanto pode ser um clérigo como um leigo), Volta Seca de torna um integrante do grupo de Lampião, João Grande se torna marinheiro e Boa Vida se torna um sambista.

A história é um fato muito comum hoje em dia, só que naquele tempo, não havia progamas de governo e associações que ajudavam crianças como hoje.

Termo em ITÁLICO foi retirado do site: [Somente administradores podem ver este link]
avatar
Henrique Assis

Mensagens : 13
Data de inscrição : 15/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Discussão Final - Dora

Mensagem  Izabella Zaidan em Ter Jul 03, 2012 9:48 pm

Dora era como uma mãe e irmã para quase todos, menos para Professor que gostava dela e para Pedro Bala, que os a viam como mãe, irmã e noiva. Com a morte de Dora todos ficaram abalados, não queriam aceitar os verdadeiros fatos. Pedro Bala via ela como uma estrela no céu, e todos os dias ficava observando o céu, procurando Dora. Depois da morte dela, quase todos foram seguir suas vidas sozinhos, tendo em destaque o Professor que foi para o Rio de Janeiro, e logo depois de algum tempo ele já era conhecido pelos seus belos quadros. Pedro Bala seguiu o mesmo caminho de seu pai, ajudando os povos a fazerem greve; Gato foi embora com Dalva, e depois ela o larga e ele arruma outra mulher. Sem Pernas se suicidou.Volta Seca de torna um integrante do grupo de Lampião.

A historia do livro,é em partes a realidade de hoje.Hoje em dia com o Estatuto da criança e do adolescente a leis que os protegem.Quando há crianças abandonadas sem casa,carinho ou são mau tratadas.São levadas a abrigos especiais onde tem pessoas que vão cuidar delas.Como a lei não e cumprida há muitas crianças nas ruas e muitas vão para o mau caminho.

Izabella Zaidan

Mensagens : 13
Data de inscrição : 15/06/2012
Idade : 20
Localização : Abaeté - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Fernanda Andrade em Ter Jul 03, 2012 10:08 pm

Depois de sua morte, Dora deixou grande saudade nos corações de todos os capitães da areia. Mas depois de sua morte, todos resolveram trilhar seus passos, caçar um rumo, ser alguém. A primeira capitã da areia, mudou completamente a forma de pensar de todos os integrantes do bando, ela foi um exemplo, pra sempre marcou a vida deles. Enfim fez um grande bem.
Acho que antes, no ano em que a história se passa, as crianças não tinham tanto apoio, não que elas tenham muito hoje, mas pelo menos houve uma melhora significativa para com elas. Mas mesmo com todas as leis e todas as instituições que apoiam as crianças abandonadas, ainda existem muitas jogadas pelas ruas, falar que vai mudar talvez seria uma afirmação muito vaga, acho que se houver boa vontade da parte da sociedade, podemos sim reverter a situação.
avatar
Fernanda Andrade

Mensagens : 15
Data de inscrição : 19/06/2012
Idade : 20
Localização : Paineiras- MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Resposta

Mensagem  Ingrid Tavares em Ter Jul 03, 2012 10:31 pm

Dora tinha o papel de mãe e irmã para todos, Pedro Bala a enxergava de outra maneira, como sua noiva. Quando Dora morreu todos ficaram abalados e chocados com o ocorrido. Todos a viam como uma estrela no céu, os guiando, e todos os dias ficavam observando o céu. Apos sua morte, quase todos foram seguir suas vidas, o Professor foi para o Rio de Janeiro seguir sua tao sonhada carreira de pintor, e logo ficou famoso pelo seus belíssimos quadros, Pedro Bala seguiu o caminho de seu pai, virou um grevista e vivia defendendo os direitos de seu povo, Gato foi embora com Dalva, que depois de um certo tempo volta com uma negrinha e cheio de estilo.
Como os meninos moravam na rua achavam que o roubo era algo normal, e que não tinham culpa alguma se não tinham pai para alimentá-los, porém os policiais tratavam os Capitães da Areia muito mal, mesmo sem saberem o motivo que estavam roubando e que eram moradores de rua, o classificavam como ladrões e diziam que nunca eram confiáveis.
Nos dias de hoje a situação em termos de preconceito melhorou, mais ainda as pessoas tem bastante preconceito em relação à moradores de rua, homossexuais, negros. O estatuto da criança e do adolescente foi algo bom demais, agora nao aceitam crianças ficarem desamparadas assim como os Capitães da Areia ficavam, protegem, dão alimento, porem ainda existem muitas crianças e adolescentes desamparados e com fome, por isso ainda deixam a desejar .
avatar
Ingrid Tavares

Mensagens : 13
Data de inscrição : 05/06/2012
Idade : 20

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Resposta Discussão Final - Dora

Mensagem  José Martinho S. Júnior em Ter Jul 03, 2012 11:50 pm

Dora foi para os a única Capitã da Areia, ela foi noiva(para Pedro Bala), irmã e mãe entre eles, ela dava todo seu carrinho e amor para os Capitães, então quando morreu todos ficaram muito tristes, mais ápos um tempo cada um deles tomou seu rumo na vida adulta.
avatar
José Martinho S. Júnior

Mensagens : 13
Data de inscrição : 11/06/2012
Idade : 20

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Cecília Lopes em Qua Jul 04, 2012 7:46 pm

Dora era considerada uma irmã e mãe para todos, mas Pedro Bala a via de uma forma diferente, a via como sendo sua noiva,
o professor também gostava dela, mas não tinha coragem de assumir porque sabia que seu coração já era de Pedro.Gostavam tanto dela pois queriam carinho, queriam uma mãe para cuidar, uma irmã para conversar e brincar, Dora fez todos esse papéis, portanto, haviam um manancial de sentimentos para com ela, porque ela era tudo que queriam.Com sua morte, resolveram seguir seus sonhos, Professor que foi para o Rio de Janeiro, e logo depois de algum tempo ele ja era conhecido pelos seus belos quadros; Pedro Bala seguiu o mesmo caminho de seu pai, ajudando os povos a fazerem greve; Gato foi embora com Dalva, e depois ela o larga e ele arruma outra mulher...

As crianças abandonadas retratadas no livro eram tratadas como adultos ladrões. O livro mostra que apesar deles roubarem, faziam isso apenas para sobreviver, pois não tinham um lar nem uma família que pudessem contar.Hoje existem órgãos que trabalham exatamente com esse assunto, mais oportunidades de garotos pobres e abandonados freqüentarem uma escola pública, existem também pessoas com atos bondosos para ajudar essas crianças. Os Capitães da Areia se sentiam sozinhos e condenados pela sociedade, optavam pelo caminho dos furtos, e hoje, os jovens que se sentem assim, parte para o caminho do envolvimento com as drogas, e isso é algo que merece muita atenção, porque as drogas além de ser algo proibido, é algo que dá prazer à quem usa, ao mesmo tempo, acaba com a pessoa por dentro, e transforma, fazendo-a com que se sinta outra pessoa, fora de si.Optavam até mesmo pelas drogas, que hoje é muito comum.
avatar
Cecília Lopes

Mensagens : 13
Data de inscrição : 11/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão Final - Dora

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum